segunda-feira, 23 de Novembro de 2009

Dornes, o Tesouro dos Templários

Coloco aqui novas fotos retiradas do livro recentemente lançado Dornes, o Tesouro dos Templários. As fotos são antigas e dizem respeito maioritariamente à zona de Dornes, na albufeira do Castelo do Bode.

Esta foto mostra as embarcações usadas para atravessar o rio. A foto é anterior a 1908 e ao fundo pode-se ver a antiga estrada de acesso a Dornes e a sua igreja, que ainda existe actualmente.


Nas fotos anteriores é possível ver a antiga ponte Vale da Ursa, inaugurada em 1885 por Fontes Pereira de Melo, que actualmente se encontra submersa. Esta ponte já foi aqui referenciada no blog anteriormente.

Fotografia onde o nível da água na albufeira desceu bastante e a parte superior do tabuleiro da antiga ponte Vale da Ursa ficou visível.

Nas últimas 4 fotografias a nova ponte Vale da Ursa está em construção, para ir substituir a antiga ponte que iria a ficar submersa. Esta ponte serve de ligação entre os concelhos de Ferreira do Zêzere e Sertã. As fotografias remetem para os anos de 1950 e 1951.

Uma imagem da ponte após o enchimento da albufeira.

Uma comparação entre o antes e depois da Barragem de Castelo do Bode em Dornes.

Esta imagem ilustra uma gravura de Alfredo Keil de 1907. Ao fundo é possível ver a igreja de Dornes.

Zona do Rio Fundeiro durante o enchimento da albufeira.

Antiga Roda no Rio Fundeiro.

Rio Zêzere antes da barragem de Castelo do Bode.

Vista de montante da Barragem de Castelo do Bode no final da sua construção.

Vista de jusante da barragem após a construção.


Esta imagem mostra o rio Zêzere, na freguesia de Dornes, em 1947, antes da construção da barragem de Castelo do Bode e com uma linha rosa estão representados os limites do rio em 1985, com a albufeira cheia. É possível ver a área inundada nesta freguesia do concelho de Ferreira do Zêzere.

Sem comentários:

Enviar um comentário